Europa: Dia 8 – Bruges, Gante e Bruxelas

Acordamos cedo para pegarmos o ônibus em direção a Dover. De lá, pegamos o trem bala que transporta ônibus e caminhões por baixo da água, atravessando o Canal da Mancha e chegando no continente, em Calais. Vou dizer pra vocês, que doidera que é isso! É tão rápido e confortável que você nem percebe que está atravessando o mar.

P1050093Uma foto dentro do vagão só para vocês terem noção de como é. 

Chegando em Calais, continuamos a viagem de ônibus rumo a Bélgica. Nosso destino final era a capital, Bruxelas; mas acabamos passando por duas cidades belgas no caminho que fizeram a viagem ficar ainda melhor.

A primeira cidade que paramos foi Bruges. Vou resumir a cidade para vocês: canais, cisnes, chocolate, cerveja e arquitetura medieval. Me senti em um daqueles filmes de época, sabe? Coisa mais fofa do mundo! O centro histórico da cidade foi consagrado como patrimônio mundial da UNESCO. O tempo estava fechado, o que deu um ar até mais “antigo” para a cidade. Bruges possui algumas praças principais e ruas estreitas que levam para lugares aleatórios. Passamos por varias lojas de chocolates, um mais bonito (e aparentemente delicioso) que o outro. Os seus canais entre as casas deixam-a mais charmosa ainda. E eu sinto que tem mais cisnes do que pessoas.

IMG_4876IMG_4878IMG_4882

IMG_4890A população de Bruges dando um rolê nos canais… (brincadeira gente, a cidade tem mais de 100 mil habitantes)

P1050112O paraíso dos bebuns 

P1050114

P1050117Chocolateeeeee <33333333333

P1050118Esses danadinhos até faziam pose para foto!

Almoçamos na cidade em uma lanchonete aleatória, comi um belo de um cachorro quente. Não deixem de comer batata frita na Bélgica! É uma de suas especialidades. Compramos uns chocolates e voltamos para o ônibus. Se eu pudesse, teria ficado vários dias em Bruges. Uma cidade que parece que saiu de um conto de fadas e que tem tudo para agradar os turistas.

Na segunda cidade, Gante, o tempo estava começando a melhorar, mas o frio ainda era muito. A cidade seguia o mesmo estilo de Bruges. A verdade é que já estávamos bem cansados essa hora, e o tempo foi bem curto, então nem deu para conhecer muito o lugar. Mas mesmo assim pude constatar que ela era muito bonita, cheia de bondinhos e chocolaterias.

P1050126IMG_4898IMG_4899P1050131P1050136Bondinho (para Moscou????)

IMG_4903

No final da tarde chegamos ao nosso destino final: Bruxelas.  Considerada capital da União Européia, ela junta o mundo moderno de negócios com a parte histórica e cultural da Bélgica.

Fomos visitar a Grand-Place de Bruxelas, vulgo “praça grande”, que é o centro histórico e comercial da cidade. Também considerada patrimônio mundial da UNESCO, nela situam-se a Prefeitura, a Casa do Rei, o Museu de Bruxelas, etc. À noite, ela é um show a parte. Todas as estruturas são iluminadas, simplesmente lindo! Jantamos em um restaurante perto da praça, tomamos uma bela de uma cerveja belga e depois andamos um pouco pela praça, apenas admirando a paisagem. Para quem gosta de tranqueiras, existem muitas lojinhas de souvenirs por perto.

P1050141

P1050152P1050142P1050151P1050154

Conheceríamos mais a cidade no dia seguinte, então voltamos para o hotel e descansamos depois de um longo dia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s